WhatsApp
Voltar

Data driven: você usa seus dados a seu favor?

Todo gestor de TI já se deparou com a expressão “gestão orientada por dados”. A frase tem se tornado cada vez mais popular e diz respeito àquelas empresas e lideranças que utilizam as informações do dia a dia do negócio a seu favor para a tomada de decisões. É o que chamamos de data driven, ou seja: o uso dos dados coletados diariamente na rotina da empresa para ajustar processos e garantir mais assertividade na gestão.

Apesar de se falar com mais frequência sobre a cultura orientada a dados, são poucas as empresas que, de fato, colocam em prática as melhores iniciativas neste sentido. Isso porque, uma empresa verdadeiramente ligada ao conceito de data driven não se caracteriza apenas pelo levantamento dos dados.

Usar os dados a favor do negócio vai muito além de mapeá-los. É preciso garantir que os dados utilizados para a tomada de decisão sejam confiáveis. Por isso, mais do que contar com a automação para o gerenciamento das informações e a realização de relatórios periódicos, é essencial também saber analisá-los e tratá-los. Quer saber como isso é possível? Veja mais sobre o assunto abaixo:

Gerando valor com o que se tem dentro de casa

Uma das questões mais relevantes em relação à gestão estratégica dos dados é aproveitar o conhecimento dentro de casa para potencializar resultados. Ou seja: ao contar com o apoio de equipes altamente especializadas em projetos de TI que envolvem uma cultura orientada a dados, a empresa passa a analisar com mais intensidade e estratégia as informações registradas em sistemas de gestão ou atendimento.

E com base nestas análises, além do apoio de soluções de Business Intelligence (BI) que é possível identificar gargalos de produção, falhas recorrentes ou pontos de atenção para melhorar a produtividade dos times.

Para se ter uma ideia do impacto positivo que se traz para a tomada de decisão, analisemos uma pesquisa recente do McKinsey Global Institute. O levantamento mostra que organizações orientadas por dados, ou Data Driven, têm 23 vezes mais chance de conquistar novos clientes e seis vezes mais possibilidade de retê-los, além de 19 vezes mais chances de serem lucrativas.

Isso ocorre porque, quando uma empresa conta com uma gestão baseada no conceito de data driven ela:

- Levanta insights que apresentam vantagens competitivas diante da concorrência;

- Não só possui relatórios, mas traça análise com base no tratamento dos dados, ou seja: uma equipe especializada na gestão de TI proporciona identificação de pontos relevantes;

- Passa a entender o nível de confiabilidade de dados.

Afinal, meus dados são confiáveis?

Um dos erros mais comuns dos gestores que buscam uma organização data driven é não investir na integração das informações. Sem projetos de TI que proporcionam a análise global das atividades de um negócio, um dado não é necessariamente confiável.

Por exemplo: se o seu ERP não possui integração com o chão de fábrica nem com o atendimento ao cliente, muitas informações não traduzem a realidade do negócio, são dados desconexos, que nem sempre representam a real situação do negócio.

Mais do que apenas desenvolver soluções de integração, é preciso também pensar na cultura da empresa. Por isso, contar com o apoio de empresas que desenvolvam soluções tailor made it e que contam com profissionais consultores pode facilitar o processo de adaptação.

É preciso entender, por exemplo, quais os pontos frágeis do negócio, qual solução melhor se encaixa para a empresa e optar, muitas vezes, pela customização de um sistema que vai garantir a captação e o tratamento dos dados relacionados ao seu negócio.

Portanto, o primeiro passo para utilizar seus dados a seu favor é contar com uma base sólida, soluções bem estruturadas e apoio profissional para a realização de projetos altamente impactantes. A partir daí, será muito mais fácil criar uma rotina de análise de dados onde as informações se tornarão estratégicas e os dados verdadeiros apoiadores do crescimento do negócio.

Quer saber mais sobre a gestão orientada a dados e como sua empresa pode se beneficiar desse cenário? Continue acompanhando os insights dos nossos especialistas.

Últimos posts

Novidades Envolti

Data driven: você usa seus dados a seu favor?

Todo gestor de TI já se deparou com a expressão “gestão orientada por dados”. A frase tem se tornado cada vez mais popular e diz respeito àquelas empresas e lideranças que utilizam as informações do dia a dia do negócio a seu favor para a tomada de decisões...

Leia mais

Por que devo considerar a sustentação de software uma opção para minha empresa?

Manter a qualidade e disponibilidade de uma operação de software pode ser um desafio para uma empresa. Falhas do sistema acarretam custos não só de manutenção, mas também prejuízos de faturamento, já que elas podem implicar até mesmo na pausa da produção em uma fábrica...

Leia mais

Como a sustentação de sistemas pode reduzir custos e riscos?

A falta de atenção diária com o desempenho de diversas soluções e serviços de TI usados por uma empresa pode desencadear prejuízos financeiros e perda de tempo. Na rotina do dia a dia, aquelas pequenas interrupções ou desatualizações acabam passando despercebidas...

Leia mais

Receba nossas Novidades

Não enviaremos SPAM para o seu e-mail