WhatsApp
Voltar

Cuidados essenciais para otimizar seu orçamento de TI em 2022

Depois de dois anos incertos, a economia global dá sinais de reaquecimento e 2022 deve ser um ano promissor para muitos negócios. E um cenário se consolidará ainda mais nos próximos meses: os investimentos em TI vão crescer, já que as empresas estão cada vez mais preocupadas em garantir uma boa estrutura para a expansão dos negócios.

E se você está em dúvida em relação ao seu orçamento de TI para 2022, as dicas que separamos aqui podem te ajudar a otimizar os investimentos. Confira e coloque em prática!

O cenário do orçamento em TI – investimentos crescem no mundo

Se você é gestor de tecnologia já percebeu que nos últimos anos houve um crescimento exponencial de novas soluções e de investimentos em TI em todo o globo. Em 2022, previsões do Gartner apontam que os gastos globais dos orçamentos em TI devem atingir a maior taxa de crescimento dos últimos 10 anos. A expectativa é que totalizem U$4,5 trilhões no mundo, um aumento de 5,5% em relação a 2021.

O resultado é impulsionado por um cenário comum: empresas que já vêm reestruturando sua infraestrutura desde o início da pandemia, visando um preparo consciente para suprir demandas represadas neste momento.

Com a economia retomando em todo o mundo, ser competitivo exige maior análise de cenários, dados estruturados para otimizar a produção e garantia de maior produtividade X racionalização de custos.

A sua empresa – garantindo a otimização do seu orçamento de TI

Tendo em vista este cenário promissor, é hora de garantir que seu orçamento de TI seja otimizado. Os cuidados abaixo podem fazer toda a diferença nos resultados do seu projeto. Considere-os na hora de rodar suas iniciativas de tecnologia:

- Conheça gargalos internos: antes de iniciar novos projetos de TI é importante entender quais os desafios já existentes na empresa. Compreender onde existem os maiores desafios de TI, sejam eles de orçamento, execução ou uso de soluções são o primeiro passo para mais assertividade nos projetos. Esse estudo permitirá a correção de eventuais falhas para evitar que novos projetos encontrem problemas antigos ao serem executados.

Geralmente, esse levantamento prévio serve para compor o baseline dos projetos de TI, ou seja, a linha de base para a realização de novas iniciativas. No baseline são considerados os obstáculos que impedem a produtividade plena da empresa, além de um estudo aprofundado dos recursos disponíveis para que eles sejam aplicados de forma otimizada. Portanto, antes de iniciar seu projeto tenha uma boa análise dos desafios que já existem na empresa.

- Foque na proteção de dados: uma das questões mais relevantes para novos projetos de TI é a garantia de que as normas da LGPD serão levadas em consideração. Além disso, negócios internacionais devem estar alinhados com legislações externas para a proteção de dados, como a legislação europeia, em português chamada de Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados.

Uma das boas práticas neste sentido é a realização de testes para a identificação de eventuais falhas na infraestrutura de TI da empresa. Este tipo de atividade ajuda a evitar vazamentos e ataques. A ação de hackers tem sido cada vez mais comum e nem mesmo grandes empresas estão livres deles. É comum encontrarmos notícias de vazamento de dados em grandes redes de serviços de alimentação, em sistemas governamentais e até mesmo em grandes empresas de tecnologia.

O assunto é sério e um ataque à infraestrutura de TI traz grandes danos: apenas em 2021, as perdas globais podem chegar a US$ 6 trilhões - três vezes o PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil. O país é, inclusive, o quinto país no mundo que mais sofre ataques cibernéticos. Portanto, para evitar perdas ao longo de seus projetos de TI garanta que, antes da execução, os testes e boas práticas de proteção de dados sejam realizados.

- Experiência do cliente/usuário: este é outro fator que precisa ser levado em consideração. Para ser bem-sucedido, um projeto de TI deve considerar as necessidades dos usuários e atuar em um processo de comunicação transparente. Não basta apenas criar bons sistemas, eles precisam se adequar à rotina do usuário e ajudá-lo a reduzir gargalos de produtividade.

Este fator é crucial para que um projeto seja bem-sucedido, visto que sem o apoio do usuário, dificilmente o uso de novas soluções será pleno. Ouvir as equipes e engajar lideranças nos projetos de TI são ações que precisam englobar a rotina.

Com estes cuidados, seu orçamento de TI para 2022 com certeza será mais assertivo e os projetos garantirão o que todo gestor busca: eficiência operacional. E, claro: para fazer mais com menos não abra mão de contar com equipes multidisciplinares e profissionais renomados. Busque empresas reconhecidas e equipes focadas para que seus projetos de tecnologia sejam executados de forma transparente e eficiente.

Últimos posts

Novidades Envolti

Cuidados essenciais para otimizar seu orçamento de TI em 2022

Depois de dois anos incertos, a economia global dá sinais de reaquecimento e 2022 deve ser um ano promissor para muitos negócios. E um cenário se consolidará ainda mais nos próximos meses: os investimentos em TI vão crescer, já que as empresas estão cada vez mais preocupadas...

Leia mais

Data driven: você usa seus dados a seu favor?

Todo gestor de TI já se deparou com a expressão “gestão orientada por dados”. A frase tem se tornado cada vez mais popular e diz respeito àquelas empresas e lideranças que utilizam as informações do dia a dia do negócio a seu favor para a tomada de decisões...

Leia mais

Por que devo considerar a sustentação de software uma opção para minha empresa?

Manter a qualidade e disponibilidade de uma operação de software pode ser um desafio para uma empresa. Falhas do sistema acarretam custos não só de manutenção, mas também prejuízos de faturamento, já que elas podem implicar até mesmo na pausa da produção em uma fábrica...

Leia mais

Receba nossas Novidades

Não enviaremos SPAM para o seu e-mail